Seg à Sáb: 08h às 20h / Dom: Alternados | 0800 039 3480 / 31 9.9374-7712

R. Iracema, 273, Loja A, B: N Sra. Do Carmo | Sete Lagoas MG

5 alimentos para combater o frio

5 alimentos para combater o frio

5 ALIMENTOS PARA COMBATER O FRIO


É inverno, as temperaturas rondam zero grau... Naturalmente, todos recorrem a um bom petisco para confortar o estômago... Na verdade, são muitos aqueles que pensam que comer de forma mais abundante no inverno protege-nos contra o frio. E não é nada disso! Em caso de frio glaciar ou até mesmo durante umas férias de esqui, é inútil escolher pratos ricos em gorduras para se aquecer. Não utilize as descidas do termômetro como desculpa para sua gulodice...

Deve-se comer mais e mais gorduras quando está frio?

A luta contra o frio não requer mais calorias! Nosso organismo é capaz de, graças a seu metabolismo, manter nossa temperatura interna, quaisquer que sejam as condições climatéricas externas: é a termorregulagem. Se está frio, o metabolismo é ativado para produzir mais energia, ou seja, mais calor. Para fazer isso, ele extrai primeiro as reservas em açúcar. E assim que tenha esgotado esses recursos em glicose, o organismo irá atacar com as gorduras. Mas este mecanismo apenas intervém no caso de exposição prolongada ao frio, pelo menos, 6 ou 7 horas seguidas.

Deste modo, para uma exposição pontual ao frio, mesmo que seja intensa durante uma a duas horas por dia, o organismo não precisa mobilizar suas reservas de gordura. Esqueça este mito: mais calorias não fornecem mais energia. E embora se deva reconhecer que, quando as temperaturas estão baixas, um bom prato quente nos reconforta agradavelmente, esqueça mesmo o petisco ou o vinho quente!

Os alimentos contra o frio

O mel
Os melhores benefícios para a saúde são aqueles que a natureza nos fornece. O mel é a prova disso! É um aliado indispensável para combater a fadiga do inverno. Suas inúmeras propriedades benéficas deveriam implicar um consumo diário. Ele possui qualidades antimicrobianas nutricionais, energéticas. Apesar do mel ser doce, contém muito menos calorias que o açúcar. Isso impulsiona o corpo, fortalece os ossos e, portanto, promove o crescimento. Ele transborda de benefícios para o corpo: potássio, magnésio e ferro, mas também proteínas e as vitaminas A, B, C e E.

Os frutos secos
Para os desportistas, o consumo de frutos secos é muito eficaz. Sua riqueza em glucídios é perfeita durante o esforço. Pequenos, eles transbordam de energia. Os damascos secos, bananas e figos secos, ameixas secas, passas e outras nozes, amêndoas e avelãs fazem parte dos alimentos a serem promovidos durante o período do inverno. São ricos em ácidos gordos essenciais mas também em minerais como magnésio, ferro, cobre, selênio, manganês ou zinco.

Sopa de legumes
Após uma saída para o frio, a sopa é uma boa fonte de reconforto. Encontramo-la muitas vezes no menu de inverno para nos reabastecermos de fibras, vitaminas e minerais. Os legumes contêm antioxidantes e uma quantidade de outros nutrientes que garantem a proteção das células. Desfrute para variar os prazeres entre couve, alho-poró, beterraba e cogumelos. Para tirar proveito destes nutrientes indispensáveis, aqui estão algumas dicas:

    Descasque os legumes no último instante
    Limpe-os sem os deixar de molho na água
    Limite o tempo de cozedura das suas sopas.


O chá verde
Excelente em todos os níveis, é um poderoso antiviral que se pode beber em caso de golpe de frio. Drenante, estimulante, adelgaçante, anti-cancerígeno, anti-idade: os efeitos antioxidantes deste elixir de bem-estar têm muitas virtudes. O chá verde queima também a gordura, ajuda a reduzir o nível de colesterol, trata os distúrbios digestivos, promove a circulação sanguínea, acelera a eliminação das toxinas. Para tirar o máximo partido dos benefícios, deve-se infundir o chá verde ou o chá preto em folhas pelo menos durante 2 minutos a 90°C. Quanto maior o tempo de infusão do chá verde, maior será o seu poder antioxidante.
 
O chocolate preto
São conhecidas as numerosas virtudes do chocolate para combater a ansiedade, o stress ou a hipertensão arterial. Atualmente, também podemos contar com seus efeitos antitússicos. Estudos britânicos demonstraram a eficácia de uma molécula contida no chocolate preto contra a tosse crônica. Mais uma razão para desfrutar de um quadradinho de prazer de vez em quando! Excelente remédio contra a baixa autoestima, o chocolate preto (70% de cacau preferencialmente) é rico em magnésio, um ativo ideal para reencontrar o tônus quando está frio.

Fonte: https://www.domyos.com.br/

Postado por Drogaria Monteiro



Atendimento: 0800 039 3480

Email: contato@drogariamonteiro.com.br

Drogaria Monteiro © 2019 - Todos os Direitos Reservados.